“Eu venho da floresta…Com meu cantar de amor… Eu canto com alegria… A minha mãe que me mandou” Mestre Irineu

🎵 48 - Pena de Prata - Firmado na Luz

🔯 Sônia Palhares de Alverga

Letra do hino Pena de Prata

No alto da montanha
Lá no alto muito além
Tem um palácio de gelo tão sublime
Que vira água também

A água vai pra mata
Mãe Jurema abençoou
Uma cabocla de pena cor de prata
Que pai Oxalá criou

O Sol brilha na Terra
E dá luz a quem sofreu
E põe um ser divino em cada folha
Pra curar os filhos seus

Minha mãe, minha rainha
Quero as almas iluminar
Com esse cristal tão puro e verdadeiro
Que veio me acompanhar