“Eu venho da floresta…Com meu cantar de amor… Eu canto com alegria… A minha m├úe que me mandou” Mestre Irineu

­čÄÁ 04 - For├ža - Chaveirinho

­čö» Glauco Villas Boas

Letra do hino For├ža

O meu pai me abra├žou
O meu pai me aconchegou
Eu estava bem quentinho
Nos bra├žos do meu senhor

Eu te entrego esta for├ža
A for├ža da Santa Maria
Eu te entrego esta for├ža
Com abra├žos da tua guia

O meu pai me abra├žou
O meu pai me aconchegou
Eu estava bem quietinho
Nos bra├žos do meu senhor

Eu te entrego esta for├ža
Segure firme em minha mão
Eu estava abra├žado
Com meu papai Salomão