“Eu venho da floresta…Com meu cantar de amor… Eu canto com alegria… A minha m√£e que me mandou” Mestre Irineu

ūüéĶ 17 - Chap√©u de Prata - Chaveirinho

ūüĒĮ Glauco Villas Boas

Letra do hino Chapéu de Prata

Viva Santa Maria
Que me curou o meu medo
Viva Santa Maria
Que me revelou segredo

Eu estava numa sala
De um castelo divinal
Papai se apresentou
Com sua farda oficial

Papai se apresentou
Com seu pito divinal
Me assoprou fumaça
Eu pitei l√° no astral

Papai com chapéu de prata
Assoprou fumaça em mim
Espantou toda maldade
Espantou coisa ruim

A piteira de papai
√Č de um branco laqueado
Na ponta uma estrela
E um cruzeiro gravado

No chapéu vinha pendurado
Estrelinhas de marfim
O Cruzeiro em minha frente
Fez eu me lembrar de mim

Papai abriu uma porta
Eu entrei em um jardim
Mam√£e se aproximando
Veio e me disse assim

Agora que eu te trouxe
Tu vai ser o meu soldado
Te entrego essa bandeira
Quero ver tu perfilado

Meu padrinho me chamando
Para eu destrinchar segredo
Viva Santa Isabel
Também viva Simão Pedro